Amado(a) Irmão(a),

No ensino deste mês, quero chamar a sua atenção, para observar que ao ler a Palavra de Deus existe uma voz de autoridade para nós obedecermos; e, se aprendermos isso, serviremos ao Senhor dentro do Seu propósito e perfeita vontade.

Vamos começar por Tiago 4:6-7 – “Antes, ele dá maior graça; pelo que diz: Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes. Sujeitai-vos, portanto, a Deus; mas resisti ao Diabo, e ele fugirá de vós.” Deus está dizendo aqui que Ele dá a sua graça a quem se humilha; e que a pessoa orgulhosa estabelece um conflito com Ele.

Vemos nos Evangelhos que os apóstolos obedeceram às ordens de Jesus, mas os outros o rejeitaram, mesmo vendo os milagres que fez, o acusaram de estar possuído por Belzebu. Esses tais não o reconheceram como o Messias e que representava o Pai Celeste aqui na Terra, através de suas obras, e por isso não permitiram que Ele tivesse uma voz de autoridade em suas vidas.

Vamos ver o que aconteceu com o apóstolo Paulo em Corinto, eles não o obedeceram e por isso teve que escrever uma segunda carta; aos gálatas, ele os chamou de insensatos. O motivo disso é porque não o aceitaram  e nem o reconheceram como apóstolo de Jesus Cristo, e por isso não permitiram que ele tivesse uma voz de autoridade em suas vidas. E, Quando foram até Jesus, eles viram nele um homem comum, que ficou cansado, teve fome, passou calor, teve sede, ficou sujo de poeira, etc., e por isso não acharam que ele fosse melhor que os líderes religiosos, viram apenas um ser humano comum.

Sabemos que não é nada fácil permitir que alguém tenha voz de autoridade sobre nós e nos diga o que fazer. Mas foi isso mesmos que lemos na Palavra, acima citada, que Jesus resiste ao soberbo e dá graça ao humilde.

Toda pessoa que aceita Jesus, vai ter que se submeter a alguém que Deus vai designar. É fácil dizer que se submete a Deus, porque Ele não está aqui fisicamente. E se não se submete a Ele e nem faz o que Ele diz, então isso é soberba. É muito comum alguém dizer que se apresenta ao Trono da Graça, mas não aceita quem Deus pôs para se submeter,e, novamente, repito, isto é soberba.

Exemplificando, vamos lembrar que quando um bebê nasce ele se submete em tudo a sua mãe que lhe dá de mamá, troca a fralda, lhe dá banho e aos poucos vai ensinando tudo, e enquanto vai crescendo já lhe vai ensinando que tem que guardar os brinquedos, ou seja, a mãe vai lhe ensinando o que fazer na sua vidinha. E, quando nascemos de novo, somos bebês em Cristo e precisamos de alguém que nos ensine o que fazer, mas os orgulhosos não aceitam e esse é um dos problemas existente no corpo de Cristo, claro que nem todos são assim, existem as exceções, e vamos entender que não é para controlar a vida de ninguém.

Veja II Cor.1:24 – “Não que tenhamos domínio sobre a vossa fé, mas porque somos cooperadores de vossa alegria; pela fé, já estais firmados.” Eu chamo a sua atenção aqui para entender que a pessoa que exerce a voz de autoridade em sua vida, ela não contradiz o que a Palavra de Deus diz e o que ela orienta não é uma opinião e nem é uma sugestão, mas sim FAÇA”, isto é, obedecer e fazer.

Observe I Cor. 1:10 – “Rogo-vos, irmãos, pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que faleis todos a mesma coisa e que não haja entre vós divisões; antes, sejais inteiramente unidos, na mesma disposição mental e no mesmo parecer.” O que o apóstolo Paulo está dizendo aqui não é uma sugestão, é uma instrução – “FAÇA”.

Veja Romanos16:17 – “Rogo-vos, irmãos, que noteis bem aqueles que provocam divisões e escândalos, em desacordo com a doutrina que aprendestes; afastai-vos deles.” Isso não é uma sugestão, mas uma instrução para ser obedecida –“ FAÇA” – isto é, evite tais pessoas.

Vejamos Gálatas 6:6 – “Mas aquele que está sendo instruído na palavra faça participante de todas as coisas boas aquele que o instrui.” O que acabamos de ler é uma instrução e não uma sugestão – “FAÇA” – dar suporte financeiro para quem está ensinando a Verdade.

Veja, agora, Efésios 5:25 – “Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela.” Novamente, isso não é uma sugestão e sim – “FAÇA”.

Vejamos Filipenses 2:12 – “Assim, pois, amados meus, como sempre obedecestes, não só na minha presença, porém, muito mais agora, na minha ausência, desenvolvei a vossa salvação com temor e tremor.”  Ele está dizendo que é para fazer seu estudo bíblico, adorar o Senhor, orar, etc., e isto não é uma sugestão e sim –“ FAÇA” – trabalhe para sua salvação.

Observe Colossenses 3:8-9 – “Agora, porém, despojai-vos, igualmente, de tudo isto: ira, indignação, maldade, maledicência, linguagem obscena do vosso falar. Não mintais uns aos outros, uma vez que vos despistes do velho homem com os seus feitos.” É certo que isto não é uma sugestão e sim – “FAÇA” – é para parar de fazer essas coisas acima citadas, é para amar as pessoas como Deus nos amou. A Palavra de Deus diz que devemos perdoar as pessoas que nos ofendem como Deus nos perdoou.

Sempre que se prega sobre perdão, observa-se uma rejeição sobre o assunto, neste caso, existe um orgulho nesse coração, muito embora a pessoa diga que  faz tudo o que Jesus diz. A fé traz obediência ao que Deus manda fazer. Sabemos que ninguém gosta de obedecer ordens dos outros, mas a pergunta é: existe uma voz de autoridade em sua vida? Saiba que é para ter.

Veja I Tes. 5:12-13 – “Agora, vos rogamos, irmãos, que acateis com apreço os que trabalham entre vós e os que vos presidem no Senhor e vos admoestam; e que os tenhais com amor em máxima consideração, por causa do trabalho que realizam. Vivei em paz uns com os outros.”  Devemos seguir em obediência essa ordem, temos que estimar os que nos ensinam.

Observe Hebreus 13:7,17 – “Lembrai-vos dos vossos guias, os quais vos pregaram a palavra de Deus; e, considerando atentamente o fim da sua vida, imitai a fé que tiveram. Obedecei aos vossos guias e sede submissos para com eles; pois velam por vossa alma, como quem deve prestar contas, para que façam isto com alegria e não gemendo; porque isto não aproveita a vós outros.” Esta palavra não é bem parecida com aquela “filhos obedeçam a seus pais…”, isso não é uma sugestão mas – “FAÇA” – Então, você pode perguntar a Deus quem deve ser esse ou esses que vão lhe ensinar como andar na Palavra da Verdade, não somos nós que escolhemos, é Deus quem indica.

Veja I Tes. 1:6-7 – “Com efeito, vos tornastes imitadores nossos e do Senhor, tendo recebido a palavra, posto que em meio de muita tribulação, com alegria do Espírito Santo, de sorte que vos tornastes o modelo para todos os crentes na Macedônia e na Acaia.” Ele diz aqui, que se tornou exemplo para os outros, então, você não pode seguir alguém que não tenha a voz de autoridade em sua vida, pois quando essa pessoa lhe instrui no que fazer, você fará porque  não haverá contradição com a Palavra, e isso vai lhe ajudar a cumprir seu chamado. Como exemplo temos Timoteo, Tito e outros. Infelizmente, muitos não querem se submeter.

Graças a Deus pelo Espírito Santo que habita em nós e irá sempre nos ajudar a seguirmos essa voz de autoridade, por isso passe tempo com a Palavra de Deus e com a oração em línguas, o máximo que puder, e você verá as mudanças que acontecerão em sua vida. Você dará condição a Deus de lhe abençoar.

Graça e Paz, Ana Maria.

Print Friendly, PDF & Email