Amado(a) Irmão(a),

Pensando nas maldades que vemos neste mundo, com relação ao que as pessoas fazem uma às outras, ficamos indignados e até mesmo receosos. Assim sendo, vamos examinar o que Jesus ensina para sabermos a origem dessa maldade. Portanto, vejamos o que diz João 10:10 – “O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.” Quando Jesus fala de “ladrão”, Ele se refere ao diabo.

Ouvimos as pessoas dizerem que o diabo matou tais pessoas, que o diabo fez isso e aquilo; mas, é preciso entender que Satanás age através das pessoas, ele só pode fazer algo se usar alguém.

Nós já vimos fotos, pinturas e filmes de guerras, mas nunca vimos a figura de Satanás liderando as guerras. Portanto, o jeito que o diabo rouba, mata e destrói é através das pessoas. Algo que se faz é culpar as pessoas que entram em guerra, mas é preciso entender que os homens nascem com a natureza do pecado e é através disso que o diabo age; ele tenta fazer com que as pessoas façam o que ele tem em mente que é roubar, matar e destruir.

Observando as Escrituras, vemos que não levou muito tempo para alguém matar o outro, no caso, Caim matou Abel.

Se você der uma olhada neste mundo você verá que Satanás está usando as pessoas, com a natureza do pecado, para fazer tudo o que ele quer, claro, apenas, quando ele consegue. A única coisa que impede as pessoas de não se tornarem piores do que já são é de viverem num país cujo governo tenha leis que causam medo para elas. Tem muitas pessoas que são contra pena de morte, e realmente, esse assunto é mesmo muito difícil de se tratar; mas no caso de se aplicar uma pena morte a alguém, esse tal chegou a um ponto em sua vida que nem se importa se vai morrer ou não, são pessoas que não vão se arrepender de modo algum, porque chegaram tão fundo na natureza do pecado que não se importam com mais nada. Assim, podemos entender como Hitler adquiriu poder.

Vamos lembrar que quando Jesus nasceu, os reis magos foram até Herodes e disseram que queriam ir visitar Jesus, pois tinha nascido o Rei dos Judeus, e nesta época Jesus tinha apenas dois anos de idade. Pois bem, os Magos não voltaram a Herodes, depois da visita, porque este pretendia matar Jesus com medo que ele tomasse seu reino.

Vejamos então Mateus 2:16 – “Vendo-se iludido pelos magos, enfureceu-se Herodes grandemente e mandou matar todos os meninos de Belém e de todos os seus arredores, de dois anos para baixo, conforme o tempo de qual com precisão se informara dos magos.” Imagina você se tivesse um bebê de dois anos e soldados chegassem em sua casa arrombando a porta e ao entrar tirassem de seus braços seu bebê, matando-o em sua frente. Que tipo de pessoa é essa para dar tal ordem? Pois tal pessoa chegou tão fundo em sua natureza do pecado que Satanás pôde lhe dar tal sugestão. Veja, esse é o poder da natureza do pecado.

Alguém ao ler essa passagem fica horrorizada e dá graças a Deus por isso não acontecer hoje. Mas, de  uma maneira ou outra, milhares de crianças tem morrido nos últimos trinta anos.

Embora Jesus seja sempre o mesmo, ontem e hoje, ainda assim, existem pessoas neste mundo que estão fundo na natureza do pecado e que podem se tornar um Saddam Hussein ou um Hitler, ou Stalin ou Lenin etc. e que nasceram aqui mesmo onde moramos, nem precisamos ir à Rússia, Alemanha ou Arábia Saudita.

Vemos que com o passar dos tempos as leis estão perdendo sua força, indo cada vez mais para a natureza do pecado. Ao lermos Apocalipse vemos uma sociedade governada pela natureza do pecado.

Veja o que Jesus está dizendo em João 8:44 – “Vós sois do diabo, que é vosso pai, e quereis satisfazer-lhe os desejos. Ele foi homicida desde o princípio e jamais se firmou na  verdade, porque nele não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira.” Observe que Jesus falou: vós sois do diabo e quereis satisfazer-lhe os desejos, entenda que não foi exatamente ele que matou as criancinhas de dois anos de idade, simplesmente ele motivou; e Jesus diz que ele é homicida desde o princípio.  Se voltarmos para Gênesis, vemos que ele achou logo alguém para cometer assassinato, quando Caim matou Abel, apenas quatro pessoas viviam neste planeta e um mata o outro, pensa nisso.

Jesus diz que não há verdade no diabo, e o que temos neste mundo é a natureza do pecado onde Satanás age através dela usando juízes para terem menos responsabilidades moral, agindo, até mesmo, na Constituição da Lei em muitos países, fazendo tudo através da natureza do pecado, o pior é que as pessoas não veem isso, estão cegas, espiritualmente falando.

Veja João 1:4 – “A vida estava nele e a vida era a luz dos homens.” Ele está falando de vida espiritual que é luz. V.5 – “A luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela.” Aqui Ele fala de treva espiritual. V.9 – “a saber, a verdadeira luz, que, vinda ao mundo, ilumina a todo homem.” Veja como é maravilhoso o que Deus diz aqui que as trevas podem ser mudadas em luz; nasce com a natureza do pecado onde Satanás age, mas quando aceita Jesus recebe Dele uma natureza com a luz, havendo uma mudança.

Vejamos agora Romanos 8:16 – “O próprio Espirito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus”.  Temos agora uma natureza com a vida de Deus, antes com a natureza do pecado, Deus não podia agir em nós porque não havia compatibilidade nesse relacionamento, não havia conexão, mas agora sim Ele pode se comunicar conosco e nem é preciso irmos a um profeta, ou rei ou um sacerdote para sabermos o que Deus quer para nós, hoje podemos ouvi-lo pessoalmente. Que privilégio!

Estamos entendendo que o diabo age na natureza do pecado, de acordo com a carne, (carne é o mesmo que natureza do pecado) e ele leva a pessoa até onde ele consegue, e se conseguir vai fazer tal pessoa igual a um desses terroristas que estamos vendo agir por aí no mundo a fora.

Mas, agora que nascemos de novo, quem opera em nós é o Espírito Santo, através do nosso espírito, fazendo com que a nossa carne aja de acordo com a nossa nova natureza.

Vamos esclarecer melhor esse assunto, passando agora para I Co.2:12,1 3 – “Ora, nós não temos recebido o espírito do mundo, e sim o Espírito que vem de Deus, para que conheçamos o que por Deus nos foi dado gratuitamente. Disto também falamos não em palavras ensinadas pela sabedoria humana, mas ensinadas pelo Espírito, conferindo coisas espirituais com espirituais. Disto também falamos, não em palavras ensinadas pela sabedoria humana, mas ensinadas pelo Espírito, conferindo coisas espirituais com espirituais.” Agora temos uma nova natureza onde o Espírito Santo opera, pois essa natureza é igual a de Deus. Só mesmo com essa condição para termos relacionamento com Deus.

Se operássemos com nossa mente diríamos que não precisávamos de Jesus, entenda, pois, que o diabo só opera em nossa mente. Portanto, Deus opera exclusivamente em nosso espírito e o diabo em nossa carne.

Caso quiséssemos que Deus se relacionasse conosco através da nossa mente seria o mesmo que querer colocar Deus ao nível humano, não podemos nos alimentar do que é natural e humano para andarmos com Deus, portanto a única coisa que sobrou para o diabo é mentir, dizendo que isso é possível, ou seja, que o Espírito Santo pode agir em sua alma e não exclusivamente em nosso espírito. Observe então, baseado no que falamos, de onde vem a direção para sua vida, vem da alma, ou, do seu espírito nascido de novo?

Sabemos que para parar de pecar só mesmo com a ajuda milagrosa de Deus, para isso ser possível, mas o diabo vai tentar e forçar você crer que não precisa da ajuda do Espírito Santo; com isso, cuidado para não se submeter à mente de homens com suas doutrinas erradas.

Vejamos II Tes.2:1-5 – “Irmãos, no que diz respeito à vinda de nosso Senhor Jesus Cristo e à nossa reunião com ele, nós vos exortamos a que não vos demovais da vossa mente, com facilidade, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como se procedesse de nós, supondo tenha chegado o Dia do Senhor. Ninguém, de nenhum modo, vos engane, porque isto não acontecerá sem que primeiro venha a apostasia e seja revelado o homem da iniquidade, o filho da perdição, o qual se opõe e se levanta contra tudo que se chama Deus ou é objeto de culto, a ponto de assentar-se no santuário de Deus, ostentando-se como se fosse o próprio Deus. Não vos recordais de que, ainda convosco, eu costumava dizer-vos estas coisas?” Paulo fala de como o homem se engana, ao se opor aos seus ensinos, ele bem ensina que não devemos ir para outra doutrina. Satanás perdeu quando mudamos de natureza, então, o que ele pode fazer agora é colocar confusão em nossas mentes e o nível do engano é tão grande que acaba saindo fora do que Deus já ensinou. Temos um exemplo disso, lendo as Escrituras no Novo Testamento observamos a ênfase dada aos dons, ao batismo no Espírito Santo, ao orar em línguas, e ainda assim, tem muitos cristãos que estão fora disso.

Certamente que Deus ama os que estão no engano mas, Ele só pode agir naquelas vidas de acordo com o tanto da Verdade que eles tem dentro de si.

Procure observar como a sua vida já mudou, para você que ora em línguas, veja onde você está agora e onde estava antes, coisas que você nem sabia e nem cria e agora Verdades estão estabelecidas em sua vida.

Por isso, caro irmão(ã), continue firme orando em línguas sistematicamente e lendo os Livros do Novo Testamento, um após o outro, pois Deus tem um plano para sua vida e Ele não pode mentir, Ele vai cumpri-lo, se você perseverar na oração e confiar Nele. Jesus o ama!

Graça e Paz!

Ana Maria.

Print Friendly, PDF & Email