DAVE ROBERSON

Setembro – 2013

Querido Amigo,

Não me lembro de um momento em que o amor de Deus tivesse tanta importância para o Corpo de Cristo como agora. Certamente, pelo que a Palavra diz, é crucial que nos amemos uns aos outros. Aliás, Jesus disse que devemos nos amar “como Ele nos amou” (João 13:34).

No passado, por mais que eu tentasse amar como Jesus ama, meu esforço sempre parecia artificial. Não que eu tivesse falta de desejo de amar, pois eu realmente queria entender o amor de Deus e operar em sua plenitude. Mas, francamente, às vezes parecia impossível.

Veja, quando decidimos que vamos andar na plenitude do amor de Deus, o diabo vem com sua resistência. Com todo o poder que ele tem, ele ataca nosso esforço de entrar em um caminhar mais poderoso com Deus. O inimigo sabe o quanto isso é perigoso, pois conhece a operação do amor de Deus em nossas vidas, que nos transforma em pessoas de paz nas quais as fraquezas, falhas e medos tornam-se coisas do passado.

Já sentei ao lado do leito de inúmeras pessoas com câncer, orando com elas em meio à sua dor e observando sua esperança desaparecer enquanto confessavam a Palavra. É esse tipo de experiência que tem abalado a fé de muitos crentes hoje em dia.

Um dia, Deus começou a me ensinar sobre doenças e enfermidades. Ele me mostrou que embora todas as doenças tenham sido levadas na Cruz, o medo – geralmente o medo da morte – ainda faz com que muitos cristãos morram cedo porque ele impede a fé de receber a cura. Então, Deus me instruiu a compartilhar uma revelação do Céu com essas pessoas

A princípio pensei, Mas elas vão achar que eu penso que vão morrer! Contudo, não era esse o caso. Em seu amor maravilhoso, Deus preparou um lugar para nós no Céu que é tão completo que não existe o sentimento de falta. As pessoas vivem em comunhão com os outros em um lugar onde o amor está por toda a parte. Uma vez que as pessoas começam a compreender a revelação do Céu, elas começam a perder o medo da morte e de morrer. Por quê? Porque o amor perfeito lança fora todo o medo. No amor não há medo antes o perfeito amor lança fora o medo; porque o medo envolve castigo; e quem tem medo não está aperfeiçoado no amor (1 João 4:18).

            Independentemente das circunstâncias em que você se encontre agora, quero ajudá-lo a tomar o primeiro passo para eliminar o medo de sua vida, pois, uma vez que isso acontecer, eu prometo que TUDO vai mudar.

Se você estiver lutando contra uma doença ou enfermidade, a condição do seu corpo vai mudar.

Se você estiver com dificuldades em suas finanças, a sua situação financeira vai mudar.

Não importa o quão ruins ou boas as coisas estejam, sua vida vai melhorar porque as coisas TÊM que mudar quando você toma o passo crucial no amor de Deus que vou lhe ensinar.

Na realidade, existem duas fases para aprender a andar no amor divino. A primeira fase tem a ver com o fluxo do amor de Deus PARA nós com o propósito da edificação e crescimento pessoal. A segunda fase tem a ver com o fluxo do amor de Deus ATRAVÉS de nós a fim de ministrar para os outros e edificá-los. Infelizmente, o diabo acaba nos prendendo na primeira fase, enquanto tentamos entender o básico do amor de Deus.

É importantíssimo para o diabo que não avancemos para a segunda fase, pois é nela que nossos medos e tormentos são substituídos pela paz e segurança de Deus. A qualquer custo, Satanás precisa nos parar na primeira fase, quando ainda estamos aprendendo como confiar na experiência do amor de Deus fluindo até nós, pois ele sabe que o inferno não tem tormento, preocupação ou medo suficientes para destruir os nossos alicerces na segunda fase.

Nesta segunda fase, tornamo-nos crentes incontroláveis, pois nos edificamos no amor de Deus acima de todas as estratégias do inimigo. O mesmo amor divino que transformou a nossa vida através da edificação e crescimento espiritual na primeira fase, torna-se o alicerce na segunda fase a partir do qual operamos grandes feitos no Reino de Deus, sem medo de falhar. Em outras palavras, tornamo-nos uma tremenda ameaça ao reino das trevas.

Uma das armas mais eficazes de Satanás para impedir os crentes de chegarem na segunda fase e experimentarem o amor de Deus é a PREOCUPAÇÃO.

Veja, o diabo só pode devorar sua vida com preocupações e doenças, pobreza e fracasso se primeiro ele conseguir obter A SUA PERMISSÃO. E ele consegue sua permissão através do medo. O medo age como um catalisador que dá ao diabo o poder de trazer fracasso para a sua vida. É por isso que 1 Pedro 5:6-9 diz:

                        Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo vos exalte;

            lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós.

                        Sede sóbrios, vigiai. O vosso adversário, o Diabo, anda em derredor, rugindo como leão, e  procurando a quem possa tragar;

                        ao qual resisti firmes na fé…

            Deus diz que devemos nos livrar de toda ansiedade ou preocupação porque é ela que nos torna devoráveis. Se conseguirmos lançar toda nossa preocupação sobre Ele, teremos exercido uma das maiores formas de resistência contra o diabo. Contudo, se nos entregarmos ao medo, tormento, preocupação e ansiedade, abriremos a porta para o diabo. Isso acontece porque não cremos que resistir à preocupação é o mesmo que resistir ao diabo!

Quando vemos alguém ser destruído pelo vício das drogas ou álcool, pensamos, Que horror! Mas quando se trata da ansiedade, preocupação e medo, deixamos o diabo entrar e até o convidamos para sentar!

Não existe nada que o diabo queira mais que nos manter em uma luta constante com as circunstâncias diárias de nossa vida. Mas a luta nunca é vencida se formos contra os SINTOMAS dos problemas. Só seremos vencedores se cortamos o problema pela raiz.

Enquanto o diabo nos mantiver presos na luta com o problema, seremos um alvo fácil. E acredite em mim quando digo que ele tem problemas suficientes para nos matar de preocupação.

Hebreus 4:11 nos dá uma chave para iniciarmos uma guerra contra a preocupação e as táticas do inimigo: Ora, à vista disso, procuremos diligentemente entrar naquele descanso, para que ninguém caia no mesmo exemplo de desobediência. Nossa luta não é com o diabo. Ele não é nosso problema. A RAIZ DE NOSSO PROBLEMA É QUANDO DAMOS AUTORIDADE AO INIMIGO EM NOSSAS VIDAS. E como fazemos isso? Quando aceitamos ansiedade, preocupação e medo em vez de entrarmos no descanso de Deus.

Em João 14:30 Jesus disse: Já não falarei muito convosco, porque vem o príncipe deste mundo, e ele nada tem em mim. Devemos desejar falar o mesmo sobre nossa vida.

Deixe-me lhe dar um exemplo para que você entenda esse versículo melhor. Uma vez li um artigo sobre os benefícios de uma “coleira para latidos”. Como criei cinco filhos, sei como é viver em uma casa cheia de crianças e animais domésticos. Com os anos, tive alguns cães que pareciam viver para latir. Eles latiam para tudo, principalmente durante a madrugada!

No artigo que li, a empresa garantia que a coleira eliminaria o hábito de latir de qualquer cão. A coleira tinha um pequeno eletrodo que funcionava com pilhas. Toda vez que o cão latia, o eletrodo era ativado, produzindo um pequeno choque. É claro que, com o tempo, qualquer cachorro perceberia que não era muito vantajoso continuar latindo!

Bem, o diabo tem sua própria coleira, uma coleira que inibe a nossa fé. Ele gosta de colocá-la em nosso pescoço para nos impedir de usarmos nossa fé. Toda vez que você tenta dar um passo de fé, o diabo ativa um pequeno eletrodo na coleira que causa um choque de ansiedade, preocupação e medo. Ele tenta fazer com que as suas emoções lhe digam que é melhor você desistir de vez da fé.

É por isso que eu disse que o diabo não é o seu problema, pois ele só pode controlar você enquanto você estiver usando a coleira! Mas se você tirar a coleira, ele perderá todo poder sobre sua vida e é isso que Jesus quis dizer com, “O príncipe deste mundo (Satanás) vem, mas não tem nada em Mim”. Não havia NADA, nenhum tipo de coleira que o diabo pudesse usar para controlar Jesus!

No passado, quando tentei entender o amor de Deus e como ele funciona em mim, pensei que fosse uma atitude de bem-estar com as pessoas que me faria ter vontade de ajudá-las por amor em nome do Evangelho. Mas quando Deus começou a me ensinar, finalmente entendi o que a Bíblia quer dizer com, No amor não há medo antes o perfeito amor lança fora o medo; porque o medo envolve castigo; e quem tem medo não está aperfeiçoado no amor (1 João 4:18).

            Veja, o amor de Deus não é uma emoção e, sim, uma força viva e vibrante que se manifesta em sua vida como paz, contentamento, alegria e paciência. É por isso que o amor nunca falha. Quando você anda em amor, o diabo pode lançar o inferno contra você, mas não poderá destruí-lo, pois você não lhe dá chance para isso acontecer.

Como a maioria das pessoas, por muitos anos eu combati o bom combate da fé na arena errada e acabei sofrendo muitas derrotas. Agora posso lhe dizer como devemos travar uma batalha – FAZENDO TUDO O QUE PUDERMOS PARA ENTRAR NO DESCANSO DE DEUS, que é o amor e a paz. Aliás, devemos encarar todos os problemas confessando o que Jesus disse sobre a paz, como em João 14:27: Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; eu não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize.

            Em vez de gastar sua energia se preocupando com os problemas e circunstâncias ao seu redor, você deve concentrar sua energia para entrar no descanso de Deus, ao ficar em Sua Presença de amor.

Não importa quais sejam os desafios que você esteja enfrentando hoje, você pode ter certeza de que a adoração pessoal, a meditação na Palavra de Deus e a oração em línguas diária trarão a verdade, mudança e  transformação para a sua alma e crescimento e maturidade para o seu espírito. As tempestades emocionais, medos e ansiedades CESSARÃO dentro de você se você continuar crendo e declarando o que Deus diz sobre a sua situação e, um dia, você perceberá que aquelas circunstâncias externas acabarão se alinhando com a Palavra de Deus também.

Comece o processo de mudança hoje com a leitura do Novo Testamento; separe e anote os versículos sobre o amor e paz de Deus. Carregue-os com você e confesse-os diariamente até que você creia no que Deus disse mais do que nas situação cheias de pressão ao seu redor. Por favor, adicione o seguinte versículo do Antigo Testamento às suas confissões sobre a paz: Tu conservarás em paz aquele cuja mente está firme em ti; porque ele confia em ti (Isaías 26:3).

            Enquanto você lê e medita nos versículos que separou, ore em línguas quietamente. Isaías 28:11,12 revela por que isso é importante:

                        Na verdade por lábios estranhos e por outra língua falará a este povo; ao qual disse: Este é o descanso, dai descanso ao cansado…

            Lembre-se de que muitas dificuldades e problemas não aparecem da noite para o dia. Portanto, também levará um certo tempo para livrar-se deles. Contudo, quando as tempestades da vida estiverem caindo sobre você, a Palavra será seu refúgio de paz, consolo e força. E na medida em que você permanecer fiel com seu momento de oração, um dia você perceberá que o medo se tornará algo do passado. Esse também será o dia em que você descobrirá um lugar em Deus onde a paz reina e a sua vida se torna um canal aberto através do qual o amor Dele pode fluir livremente para ajudar a ministrar para as outras pessoas e edificá-las.

Seu colaborador

Dave Roberson

Print Friendly, PDF & Email