• Set Logo Section Menu from Admin > Appearance > Menus > "Manage Locations" Tab > Logo Section Navigation
Home 2013 maio 20 Carta DR Maio 2013

Carta DR Maio 2013

Carta DR Maio 2013

DAVE  ROBERSON

Maio – 2013

Querido Amigo,

Eu estudei e meditei na graça de Deus por muitos anos e ainda fico maravilhado com a maneira pela qual a Sua graça pode tocar nossas vidas de tantas formas. O apóstolo Paulo entendeu e ensinou sobre esta graça com sua experiência e confiou nela para cumprir seu chamado apesar dos ataques do diabo. Se existiu outro homem além de Jesus Cristo que mereceu a atenção do diabo foi o apóstolo Paulo.

Escrevendo à igreja dos Coríntios, Paulo falou sobre as tentativas do diabo em derrotá-lo e destruir seu ministério, em Segunda Coríntios 12:7: E para que não me ensoberbecesse com a grandeza das revelações, foi-me posto um espinho na carne, mensageiro de Satanás, para me esbofetear, a fim de que não me exalte. Então, eledeu a solução que encontrou para esse tormento de Satanás:

 Por causa disto, três vezes pedi ao Senhor que o afastasse de mim. Então, ele me disse: A minha graça te basta, porque o poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, mais me gloriarei nas fraquezas, para que sobre mim repouse o poder de Cristo.    (2 Co. 12:8,9)

Nessa passagem, Paulo quis dizer, em outras palavras, “Por causa de toda revelação que eu recebi, foi-me dado um espinho na carne. Este espinho na carne veio para que eu não ganhasse credibilidade, nem fosse exaltado diante dos olhos de ninguém. Para todo lado que me viro, lá está ele. Eu clamei ao Senhor três vezes, pedindo-Lhe que tirasse aquele espinho, mas três vezes Ele me respondeu, ‘A Minha graça te basta’”.

Paulo concluiu dizendo, “Eu prefiro me gloriar nas minhas fraquezas – nas fraquezas como homem e nas limitações impostas em mim, nesta carne. Pois, quando sou fraco, então é que sou forte. Aliás, o Senhor me disse que a Sua força é aperfeiçoada em minhas fraquezas. Por isso, eu terei prazer nas fraquezas, sofrimentos e perplexidades; serei completamente dependente de Deus, pois Ele é mais do que suficiente!”

O que mais me fascina nesta passagem da Bíblia é que mesmo Paulo sendo um homem de grande revelação, entendimento e estatura espiritual, foi necessário que Deus enfatizasse o poder de Sua graça por três vezes antes que o apóstolo finalmente entendesse o que Deus estava tentando transmitir a ele. Se Paulo teve que ouvir a mesma mensagem da graça três vezes antes de receber a revelação, eu suspeito que você e eu ainda precisemos aprender muito no que diz respeito a essa graça.

De acordo com a parábola de Jesus sobre o semeador em Marcos 4, o semeador semeou a Palavra e imediatamente Satanás veio tentar roubá-la. De maneira similar, Paulo disse em Segunda Coríntios 12:7, “Por causa da abundância de minhas revelações, este ataque veio”. Em outras palavras, Satanás veio imediatamente para roubar a Palavra da vida de Paulo.

A fim de impedir a colheita de crentes nascidos de novo através do ministério de Paulo e deter o impacto que Paulo tinha nas vidas das pessoas ao estabelecer a doutrina na Igreja, Satanás tentou destruir a influência de Paulo. É por isso que o apóstolo disse em 2 Coríntios 13:3: “Vocês querem uma prova de que Cristo fala através de mim!” E Satanás está atrás da mesma coisa em nós: impedir que a Palavra de Deus semeada em nossos corações produza fruto em nossas vidas para o Reino de Deus.

Quando a Palavra é semeada, o diabo vem por uma razão: ele quer roubar a Palavra que foi plantada em seu coração. Isto porque ele sabe que é Ela a fonte que o levará a vitória. Então, o inimigo traz perseguição, aflição e os cuidados do mundo, esperando que fiquemos ofendidos, caindo nestas armadilhas. Se sucumbirmos às tentações de Satanás, ele então, será capaz de roubar a Palavra, impedindo-a de operar em nossas vidas. E quanto mais nos afastamos do plano perfeito de Deus para nós, mais Satanás conseguirá nos neutralizar e roubar a Palavra semeada em nosso coração.

Contudo, Paulo não agiu como as pessoas descritas em Marcos 4 que foram derrotadas pelos truques do diabo. Pelo contrário, Paulo disse no versículo 9, “Por isso, de boa vontade antes me gloriarei nas minhas fraquezas, a fim de que repouse sobre mim o poder de Cristo”. Ele também disse em Romanos 5:3, “… nos gloriamos nas próprias tribulações, sabendo que a tribulação produz perseverança”. Tiago confirmou que esta é a maneira que o crente deve reagir aos ataques de Satanás: “Meus irmão, tende por motivo de toda alegria passardes por várias provações” (Tiago 1:2).

No meio do inferno, à beira da morte, quando ele estava prestes a ser jogado aos leões ou a ser morto em uma caldeira, Paulo aprendeu uma chave espiritual crucial: em meio às circunstâncias mais adversas, a força de Jesus seria aperfeiçoada em sua fraqueza à medida que ele levantava suas mãos diante de Deus, glorificava e louvava-O em voz alta e adorava-O, hora após hora. A ADORAÇÃO PESSOAL foi a solução – a reação ao ataque do diabo que ativaria a graça em sua vida e trocaria sua condição de fraqueza pela condição de força de Deus.

A adoração é a mesma reação pela qual podemos trocar nossas fraquezas pela graça de Deus também. Ao aprendermos a concentrar nossa atenção e coração em Deus, louvando-O e adorando-O em todas as circunstâncias, nossa alma acabará aprendendo a depender Dele e de Sua graça para tudo.

No Corpo de Cristo de hoje, somos ensinados a entender a graça como aquilo que nos fez sermos salvos pela fé. Consequentemente, acreditamos que a graça de Deus é suficiente para nos levar além da barreira da morte até uma eternidade no Céu. Mas, Deus quer que entendamos que Sua graça é suficiente para aqui e agora! Sua graça nos basta para TODAS as situações dessa vida terrena. Da mesma forma que Paulo superou os ataques do diabo contra sua vida e ministério, você pode usar a graça de Deus como uma arma contra o seu problema. Como Deus disse a Paulo, Ele também diz a você: “O que você precisa está em Minha graça!”

Em meio a qualquer circunstância que você esteja passando, ative a graça de Deus em sua vida, escolhendo glorificá-Lo e entrar em comunhão com Ele. Paulo disse que devemos ter prazer em suas fraquezas e perplexidades porque ele sabia por experiência própria que a força de Deus seria aperfeiçoada em nós na presença de nossas fraquezas.

Ativamos a graça – entramos na herança daquilo que realmente somos em Cristo – quando, em meio à tribulação, colocamos nossa atenção em Deus e O louvamos e glorificamos pelo que Ele é em nossa vida, pelo que Ele fez e pelo que Ele diz que somos Nele. Ao fazermos isso nos despojamos de nossa dependência na carne – nossa capacidade e limitação – e colocamos toda dependência na graça, que é o posicionamento justo de Jesus.No momento em que isso acontece, o momento que você troca o seu posicionamento pelo Dele, você começa a reinar sobre o seu problema. É por isso que a Bíblia diz que quando você está fraco, você se torna forte!

Em Salmos 8:2, Davi fala sobre o poder da adoração: Da boca de pequeninos e crianças de peito suscitaste força, por causa dos teus adversários, para fazeres emudecer o inimigo e o vingador. Mas em Mateus 21:16, Jesus cita este mesmo versículo um pouquinho diferente, dizendo: …Da boca de pequeninos e crianças de peito tiraste perfeito louvor”. Então, Paulo diz em Efésios 5:18,19: E não vos embriagueis com vinho, no qual há dissolução, mas enchei-vos do Espírito, Falando entre vós com salmos, entoando e louvando de coração ao Senhor com hinos e cânticos espirituais. Ser cheio do Espírito é ser cheio de força, poder, sabedoria e ousadia – com a resposta para TODO E QUALQUER tipo de problema que esteja nos confrontando.

O louvor e a adoração a Deus mudam o foco de nossa atenção. Quando verdadeiramente colocamos nossos olhos em Deus, vemos quão grande Ele é e quão pequeno é o nosso problema comparado a Ele. Exatamente como aquela antiga canção diz: “Ponha os seus olhos em Jesus, olhe somente para a Sua face maravilhosa e as coisas da terra apagarão surpreendentemente obscurecidas pela luz de Sua glória e graça”. Em outras palavras, quando nossos olhos estão sobre Ele, nós paramos de nos preocupar, de nos queixar e O deixamos livre para agir. Em vez de ansiedade e medo, a paz e o amor dominam.

Quando o medo se faz presente, nossas mentes podem se tornar inquietas e a confusão pode reinar. Mas, quando pomos nossa atenção em Deus por um simples ato de nossa vontade, uma quietude e silêncio se estabelecem. Nós nos acalmamos e começamos a andar em confiança e propósito porque nosso caminho se torna direcionado por Deus. E na medida em que O adoramos e renovamos nossa mente com Sua Palavra, Sua força substitui nossas fraquezas.

Veja as promessas de Deus sobre força, segurança e provisão para Seus filhos que colocam seus olhos sobre Ele:

Mas os que esperam no SENHOR renovam as suas forças, sobem com asas como águias, correm e não se cansam, caminham e não se fatigam.  (Isaías 40:31)

O anjo do SENHOR acampa-se ao redor dos que o temem e os livra. (Sl.34:7)

Temei o SENHOR, vós os seus santos, pois nada falta aos que o temem. (Sl.34:9)

Invoco o SENHOR, digno de ser louvado, e serei salvo dos meus inimigos. (Salmo 18:3)

Render-te-ei graças, SENHOR, de todo o meu coração,; na presença dos poderosos te cantarei louvores.

Prostar-me-ei para o teu santo templo e louvarei o teu nome, por causa da tua misericórdia e da tua verdade, pois magnificaste acima de tudo o teu nome e a tua palavra.

No dia em que eu clamei, tu me acudiste e alentaste a força de minha alma.(Salmo: 138:1-3)

Por que estás abatida, ó minha alma? Por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, a ele, meu auxílio e Deus meu. (Sl.42:5)

Eu o encorajo a determinar em seu coração que você louvará e adorará a Deus até que seus olhos se tornem verdadeiramente fixos Nele – até que você experimente uma troca da sua fraqueza pela força Dele, da sua enfermidade pela saúde Dele e da sua pobreza pela riqueza Dele. Pegue um tempo todos os dias e fique sozinho adorando e louvando para que a graça abundante de Deus possa ser ativada em sua vida!

Seu amigo e colaborador

DAVE  ROBERSON

Author: Dave Roberson

Comments are disabled.