• Set Logo Section Menu from Admin > Appearance > Menus > "Manage Locations" Tab > Logo Section Navigation
Home 2020 abril 01 Carta AMD Março 2020

Carta AMD Março 2020

Carta AMD Março 2020

Amado(a) Irmão(a),

Quero falar com você sobre fé, porque às vezes vem aquele sentimento de que a fé está fraca. A fé em Deus é a fonte que o salvou e a fé de Deus é que faz as obras de Cristo; como cristãos que somos, temos que viver com a fé de Deus. Não tem desculpa para a fé que não funciona, a Bíblia diz que fé não tem nada a ver com a inteligência. Jesus se confrontou com pessoas inteligentes e mais velhas que ele, e por isso aquelas pessoas influenciaram outras pessoas e isso, ainda continua agindo em nossa fé; a tendência é de aceitar sempre o que vem do púlpito.

Muitas pessoas falam de falta de fé por criarem doutrinas e ensinos onde acomodam a própria incredulidade. No geral, os cristãos não gostam de ser questionados com relação à própria fé que não cresce.

Vamos ver como Abraão creu no que Deus disse para ele, sem ao menos ter uma Bíblia para consultar, como referência.  – Romanos 4:18 – “Abraão, esperando contra a esperança, creu para vir a ser pai de muitas nações, segundo lhe fora dito: Assim será a tua descendência.”  Abraão, simplesmente creu no que Deus falou, ele creu na Palavra de Deus, por isso foi abençoado.

Vejamos agora, João 20:19-29 – “Ao cair da tarde daquele dia, o primeiro da semana, trancadas as portas da casa onde estavam os discípulos com medo dos judeus, veio Jesus, pôs-se no meio e disse-lhes: Paz seja convosco! E, dizendo isto, lhes mostrou as mãos e o lado. Alegraram-se, portanto, os discípulos ao verem o Senhor. Disse-lhes, pois, Jesus outra vez: Paz seja convosco! Assim como o Pai me enviou, eu também vos envio. E, havendo dito isto, soprou sobre eles e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo. Se de alguns perdoardes os pecados, são-lhes perdoados; se lhos retiverdes, são retidos. Ora, Tomé, um dos doze, chamado Dídimo, não estava com eles quando veio Jesus. Disseram-lhe, então, os outros discípulos: Vimos o Senhor. Mas ele respondeu: Se eu não vir nas suas mãos o sinal dos cravos, e ali não puser o dedo, e não puser a mão no seu lado, de modo algum acreditarei.  Passados oito dias, estavam outra vez ali reunidos os seus discípulos, e Tomé com eles. Estando as portas trancadas, veio Jesus, pôs-se no meio e disse-lhes: Paz seja convosco! E logo disse a Tomé: Põe aqui o dedo e vê as minhas mãos; chega também a mão e põe-na no meu lado; não sejas incrédulo, mas crente. Respondeu-lhe Tomé: Senhor meu e Deus meu! Disse-lhe Jesus: Porque me viste, crestes? Bem-aventurado os que não viram e creram.” Baseados no que lemos acima, vamos observar o comportamento dos cristãos, com relação a fé, muitos ouvem a Palavra, tem experiência com a Presença de Deus nos cultos, mas recusam crer na Verdade. Veja o caso de Tomé, na passagem acima. Tomé foi um dos que Jesus mandou de dois em dois para imporem as mãos e curarem os enfermos, expulsar diabos, e nesse momento, ele disse que não cria. E, assim são os cristãos, testemunham a presença de Deus, dando glória a Deus, mas quando têm que agir de acordo com a Verdade, dizem não terem fé.

Deus prometeu resultados, mas isso requer fé. O pior é quando os cristãos se contentam com a condição do mundo, e não se interessam em fazer o que é preciso para a fé crescer. Quando as pessoas tem comida no freezer e papel higiênico no banheiro, eles oram dando glória a Deus pela provisão e louvam ao Senhor, não que esta oração esteja errada, mas não se pode depender do mundo para divulgar o Evangelho; só porque se tem o básico não quer dizer que se anda na fé, esta é uma posição acomodada.

As pessoas pensam que ter as contas pagas já basta, mas não pensam que é preciso divulgar o Evangelho, e assim, para terem o que precisam, adquirem com esforço próprio, para irem levando a vida, mas isso não é provisão de Deus, pois estar acostumado com o tipo de vida que não se alinha ao Reino de Deus é chegar ao ponto de não crer em Deus, porque não tem fé para acontecerem as mudanças na vida. Para divulgar o Evangelho tem que ter a fé de Deus para tudo acontecer de acordo com o poder de Deus e não do esforço próprio.

Observe o que Jesus disse em Mateus 17:20 – “…e lhes respondeu: Por causa da pequenez da vossa fé. Pois em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e ele passará: Nada vos será impossível.”

E, veja também, Lucas 1:37 – “Porque para Deus não haverá impossíveis em todas as suas promessas.” Fazer a fé crescer é o caminho para Deus agir e trazer o que parece impossível para o possível.

Vamos agora, observar alguns ensinos de Jesus nos versículos seguintes:

Mateus 19:26 – “Jesus, fitando neles o olhar, disse-lhes: Isto é impossível aos homens, mas para Deus tudo é possível.” Aqui Ele diz “tudo” e não “nada”.

Marcos 9:23 – “Ao que lhe respondeu Jesus: Se podes! Tudo é possível ao que crê.”

Marcos 10:27 – “Jesus, porém, fitando neles o olhar, disse: Para os homens é impossível; contudo, não para Deus, porque para Deus tudo é possível.”

Vimos nas Escrituras a conexão da nossa fé com o agir de Deus. Se buscarmos o crescimento da nossa fé, nada será impossível. Nossa fé tem que estar no lugar certo para as coisas começarem acontecer. Então, existe uma grande diferença entre viver pela fé de Deus e ter fé em Deus.  É por isso que muitos dizem, não sei por que nada está acontecendo. O poder de Deus está sempre presente, e a fé é como a ponte que capacita o poder de Deus fluir para o ambiente natural.

A fé não é um termômetro baseado nas emoções; não se sente a fé. Alguém diz, orei com muita fé para meu filho ser curado e ele não recebeu a cura, mas, Deus diz que se tiver fé, tudo vai acontecer. A fé de Deus produz as obras de Jesus.

Veja Marcos 5:25-34 – “Aconteceu que certa mulher, que, havia doze anos, vinha sofrendo de uma hemorragia e muito padecera à mão de vários médicos, tendo despendido tudo quanto possuía, sem, contudo, nada aproveitar, antes, pelo contrário indo a pior, tendo ouvido a fama de Jesus, vindo por trás dele, por entre a multidão, tocou-lhe a veste. Porque, dizia: Se eu apenas lhe tocar as vestes, ficarei curada. E logo se lhe estancou a hemorragia, e sentiu no corpo estar curada do seu flagelo. Jesus, reconhecendo imediatamente que dele saíra poder, virando-se no meio da multidão, perguntou: Quem me tocou nas vestes? Responderam-lhe seus discípulos: Vês que a multidão te aperta e dizes: Quem me tocou? Ele, porém, olhava ao redor pra ver quem fizera isto. Então, a mulher, atemorizada e tremendo, cônscia do que nela se operava, veio, prostrou-se diante dele e declarou-lhe toda a verdade. E ele lhe disse: Filha, a tua fé te salvou; vai-te em paz e fica livre do teu mal.” Esta mulher apenas tocou na veste de Jesus e não Nele, e nem mesmo Jesus a tocou, e quantas pessoas tocaram Jesus, naquele momento, a diferença é que ela creu e agiu de acordo com o que cria. Se nós nos aproximarmos da Palavra de Deus do jeito que essa mulher fez, com certeza veremos muito mais curas e resultados através da fé.

O problema em não andar na fé é o medo de que Deus não vai fazer o que prometeu. A prova que queremos está na própria Palavra porque Ele não pode mudar. Viver pela fé não é viver com o esforço próprio, nem tentar descobrir como fazer; através da fé, o que se espera vai acontecer.

Meu conselho a você, meu irmão(ã), é que leia mais a Palavra de Deus, pois é dela que vem a fé e ore bastante em línguas e com isso a fé vai crescendo. Não se esqueça de confessar a Palavra também.

Graça e Paz! Ana Maria

Author: Ana Maria Dias

2 Comments

  1. Gostaria de saber o que significa confessar a palavra de Deus?? É repetir por várias vezes em voz alta ??

    • Olá, Iara!

      A confissão da Palavra é uma prática de oração para nos ajudar a alinhar nossos pensamentos à Palavra de Deus.
      Então devemos escolher de 2 a 3 versículos na Palavra que dizem respeito ao problema que estamos passando.
      Com isso, reservamos um tempo para falar estes versículos, chamando nossa bênção e amarrando o diabo na situação. Repetidas vezes, mas não como algo mecânico e sim prestando atenção ao que a Palavra diz.
      Por ex: digamos que seu problema seja de enfermidade, então você pode confessar assim:
      Jesus, você é o Deus que me sara e que tira do meu meio todas as enfermidades e também pelas Suas chagas eu já fui sarada, por isso eu confesso a cura completa do meu físico (pode falar o nome da doença) e te repreendo diabo com qualquer sintoma (dor, etc) no meu corpo.
      Você vai repetindo isso por 1 hora, todos os dias, até ver seu milagre.

      É importante saber que a confissão da Palavra deve ser acompanhada das outras chaves de oração, como a oração em línguas, leitura, por assimilação da Bíblia, e adoração, além da prática do jejum.

      Sugiro que você ouça os áudios sobre este assunto no nosso site: https://minamd.org.br/minamd/ensinos_cma/

      Espero que tenha te ajudado.
      Marici Sá – MinAMD

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.